NÃO PODEMOS…

Quem tem filhos sabe o quanto é duro ter que negar o que pedem. Sempre queremos nossos pequenos realizados e felizes, mas nem sempre podemos.
Desde pequena sonho em conhecer a Disney… infelizmente meus pais nunca puderam realizar esse sonho e eu mesma optei por realizar outros na vida adulta imaginando: “um dia vou com meus filhos e será mais divertido!”
A Larissa está sonhando com a Disney… eu digo que ela e os irmãos precisam crescer mais e que um dia, quem sabe, possamos ir… “Mas meu amigo já foi e tem o meu tamanho…” Ela ainda não entende que não temos condições financeiras para realizar seu sonho.
nao_podemosSei bem o que ela sente, como seus olhos brilham ao ver imagens na TV, o desejo dentro do seu pequeno coração e a esperança de realizar esse sonho. Eu vivi e vivo isso até hoje, e sobrevivi, ela também sobreviverá.
Temos outras prioridades: 4 crianças para alimentar, educar, vestir e manter saudáveis. Agradecemos sempre por chegarmos até aqui, mas nos preocupamos com o amanhã. Aos poucos ela vai entender melhor quando eu disser: “Lari, não podemos…”

#maedeproveta #maedemuitos #trigemeos #triplets #disney #sonhos

Anúncios

EU QUERO SER MÃE 

O pior sentimento que passa na cabeça de uma mulher que quer ser mãe, está tentando há muito tempo e só se depara com resultados negativos é: “pra quê eu sirvo se não consigo ter um bebê?”
Nos sentimos com defeito, desanimadas, não gostamos de olhar no espelho e muitos pensamentos negativos passam a rodear nossa mente.
quero_ser_maeMesmo quando o marido, a família e os amigos tentam nos animar, aos nossos ouvidos eles soam como cobrança, pena, falsidade. Comentários negativos e aqueles que pedem que relaxemos, paremos de pensar nisso nos deixam revoltadas e magoam muito.
A menstruação passa a ser nossa maior inimiga, uma vilã implacável. Um, dois, três dias de atraso nos inflamam de esperança e testes de farmácia não nos convencem até o sangramento ou um teste de laboratório mostrar a realidade…
Mas um dia o sangramento não vem, duas listras aparecem firmes e fortes no teste, vem do laboratório o tão desejado “positivo” e como mágica, nos transformamos…
Nos sentimos perfeitas, sorrimos pra tudo e pra todos, amamos olhar no espelho, planejamos mil coisas e sonhamos com nossos bebês. Nenhum comentário nos atinge, somos uma armadura firme e forte que guarda um bem precioso e valioso demais.
E finalmente, depois de tanta luta e sofrimento, olhamos para os olhos mais lindos do mundo e a única coisa que vem em mente é: SOU MÃE!
#maedeproveta #maedemuitos #infertilidade #tentante

O PODER DE UMA LIGAÇÃO

Já é noite e seu filho começa com um quadro de febre alta, tosse, respiração ofegante. Mesmo já tendo passado por isso antes, sempre é alarmante e a primeira coisa que você pensa é: vou levar ao pronto socorro!
poder_ligacaoSeu filho leva um tombo, bate a cabeça e faz um galo enorme… assustada a primeira coisa que lhe vem a cabeça: levar ao hospital.
Mas se você tem a oportunidade de contar com um pediatra que lhe forneceu um celular de contato para emergências, não pense duas vezes, ligue para ele primeiro! Muitas vezes nos apavoramos e acabamos correndo com os pequenos aos hospitais que normalmente estão lotados e o atendimento é demorado, mesmo para quem conta com convênios. Além disso, a criança fica exposta a outras doenças, vírus e bactérias rondando o ambiente.
Uma ligação pode te orientar e às vezes evitar essa situação. Claro que se realmente for necessário, o pediatra vai recomendar que leve ao pronto socorro, mas também pode te tranquilizar e indicar tratamento imediato em casa.
Infelizmente nem todas nós temos o privilégio de contar com essa assistência. Mesmo médicos de convênios nem sempre fornecem telefones para seus pacientes. Se for o seu caso, procure sempre manter a calma antes de tomar qualquer atitude. Algumas dicas importantes:
– se a criança bateu a cabeça mas não perdeu a consciência, primeiro a acalme, coloque gelo enrolado em um pano sobre o local e a observe. Veja se os olhos acompanham seus dedos ou converse com ela se já falar. Não a deixe dormir e mantenha observação por 2 horas. Vá ao hospital caso ela vomite, tenha algum ferimento grave ou perca a consciência.
– febre acima de 39° pede atenção. Medique e aguarde meia hora. Caso a temperatura não abaixe, dê uma banho morno e aguarde mais 15 minutos. Se aumentar e passar de 40° vá ao hospital. Se persistir entre 38,5° e 39,5° tente outro antitérmico. Se deu dipirona na primeira vez, dê paracetamol agora. Espere 15 minutos e se não abaixar aí você leva ao hospital.
– qualquer queda, batida, ou acidente em que haja fratura ou corte profundo, corra ao pronto socorro.
#maedeproveta #trigemeos #triplets #pediatra24h #primeirossocorros

ANTENA PARABÓLICA 

Eles estão entretidos na brincadeira e você começa a conversar com outro adulto. Assunto vem, assunto vai e de repente vem uma vozinha perguntando: “Mamãe, quem tava doente e ‘esfaleceu’?”
antenaAí você se dá conta de que um ouvidinho atento estava prestando atenção em toda a conversa… melhor tomar mais cuidado da próxima vez!
As crianças absorvem toda informação ao seu redor, seja verbal ou física, e por isso temos que tomar muito cuidado com o que falamos, fazemos ou assistimos quando estão por perto.
Eles também passam a falar como nós, repetindo expressões e bordões que costumamos usar sem perceber, assim como erros de linguagem e até mesmo “palavras feias”…
Por aqui tenho 4 tagarelinhas antenados em tudo! Nos policiamos ao máximo mas nem sempre temos sucesso… acho engraçado quando nos imitam com algumas expressões ou nos corrigem se falamos algo feio:
“- Vixi! Não acredito no que estou vendo!”
“- Esses meninos… pelo amor de Deus!”
“- Vou contar até 3! 1… 2… 3…”
“- Que feio! não pode falar isso! ”
“- Vocês… vou dizer uma coisa!”
Essa é minha e morri de rir quando a Lari repetiu a primeira vez: “Que bagunça! Isso aqui tá parecendo a ‘festa do caqui’!”
E por aí, a turminha anda antenada!!?
#maedeproveta #maedemuitos #trigemeos #triplets

E O DESFRALDE DOS MENINOS?

Vai mal, obrigada!! Gente, tem dia que eu tenho vontade de colocar fralda de novo e só tirar com 18 anos…
Quem nos acompanha sabe que iniciei o desfralde do Lipe e do Lelê em fevereiro deste ano. Sim senhoras e senhores, 8 longos meses e eles ainda não desfraldaram. 😩
Em julho e agosto deram uma regredida e usei fralda calça pois não aguentava mais limpar tanta sujeira. Chegaram a usar no frio 12 cuecas num único dia! 🙈
Agora em setembro reiniciei o uso exclusivo de cuecas. O Lipe tem mais controle do xixi e deixa escapar raras vezes, mas o cocô tá dureza… é só na cueca, consegui que ele fizesse no pinico 2 vezes. O Alexandre é o inverso: cocô faz bonitinho no pinico mas o xixi vai ficando por onde ele passa… 😒
Quer saber o mais engraçado e que me deixa irada? Na escola eles fazem tudo direitinho! Sigo todas as dicas das tias, mas meus filhos parecem gostar de me provocar. 👿
O papai não tem paciência e às vezes briga e pede pra colocar calça fralda, mas sei que não posso fazer isso… tem horas que seguro a bronca na ponta da língua, dou um sorriso e digo “ahhh vc esqueceu de fazer no piniquinho…” mas tá difícil… 😠
Tinham me dito que menino era mais demorado, mas os meus pelo jeito querem entrar para o Guiness de Records!!! Será que até a faculdade eles conseguem?!

363-desfralde
#maedeproveta #maedemuitos #trigemeos #triplets #desfralde

CHÁ DE BEBÊ X FRALDAS X REVELAÇÃO

Recentemente tenho acompanhado muitos posts de dúvidas sobre qual evento fazer antes do nascimento do bebê. Li diversas opiniões, conselhos, exemplos e decidi colocar aqui a minha visão e experiência.
Antes de tudo, quero deixar claro que tudo depende da condição financeira da família, mas é importante reforçar que se você quer celebrar, comemorar e ter seus convidados comparecendo, deve lembrar das condições financeiras de todos e chegar a um meio termo.

405-chás
Primeiro vamos explicar cada evento!
– Chá de Bebê
Este é o evento mais tradicional e normalmente era organizado pelas pessoas mais próximas da mamãe: irmãs, tias, primas, amigas. Cada convite já vinha com a indicação do presente e normalmente era acessórios de cama, mesa e banho para o bebê como: chupetas, mamadeiras, copinhos, pratinhos, pomada, hastes flexíveis, algodão, babadores, cortador de unha, aspirador nasal, etc. Hoje em dia a própria mamãe organiza e no convite deixa em aberto o presente ou coloca uma lista de presentes em determinada loja. A reunião para o chá de bebê deve ser algo simples, invista no enxoval de seu filho ou guarde para a festinha de um ano. Faça alguns sanduíches, pão de queijo, torradinhas e patês, bebidas leves e um bolo. A decoração pode ser uma bela toalha de mesa, algumas bexigas, o nome da criança em letras de papel, um varal com algumas peças penduradas do próprio enxoval, nada precisa ser exuberante. Não e necessário dar lembrancinha aos convidados e a mamãe decide se quer abrir os presentes na hora ou deixar para depois. O ideal é que o evento aconteça enquanto a mamãe ainda aguentar ficar algumas horas em pé, recebendo seus convidados. Não deixe para depois da 32ª semana ou entrando no 8º mês de gestação, quando normalmente nos cansamos mais.
– Chá de Fraldas
Com o aumento do uso de fraldas descartáveis e a despesa com as mesmas, é um evento que acaba sendo muito proveitoso e ao mesmo tempo facilita bastante aos convidados quanto a escolha do presente! Assim como o Chá de Bebê, não precisa ser uma megaprodução. O mais importante é no convite você estabelecer tamanho de fralda P ou M. Muitas pessoas não estão habituadas e não tem noção de que tamanho comprar, desta forma você as ajuda e não fica com fraldas perdidas ou estocadas por muito tempo. Não é muito “bem visto” colocar ou exigir uma determinada marca, mesmo porque você não sabe se seu filho vai se adaptar ao produto A ou B. Acredite, nem sempre a marca mais cara é a melhor para seu filho! Uma decoração muito legal que se coloca na mesa do chá de fraldas é o bolo de fraldas, uma estrutura feita com fraldas que poderão ser aproveitadas depois, decorada com laços e outros mimos.
– Chá de Revelação
Mais moderno e meio que “modinha”, o chá de revelação nada mais é do que reunir as pessoas para revelar o sexo do bebê. O bolo normalmente é feito de massa branca, colorida com anilina na cor rosa para menina ou azul para menino. A cobertura é branca ou amarelinha e somente quando se corta o bolo é que descobrimos quem está para chegar, João ou Maria! O ideal é que seja uma reunião mais intimista com familiares próximos, mesmo porque convidar muita gente pode ser uma dor de cabeça, para os convidados que terão que pensar em presentes unissex e para a mamãe que poderá ter que efetuar muitas trocas!
Ok! Mas faço os três, faço um só, o que é melhor?
Como mencionei anteriormente, tudo vai depender da situação financeira da família e dos convidados. Um conselho que sempre dou: faça pelo menos um! Eu infelizmente não pude fazer da minha primeira filha e senti muita falta… lembre que é o evento onde a mamãe é a estrela, sua gravidez é o assunto e você será paparicada, apesar dos mimos serem para seu bebê! Depois, a atenção das pessoas será sempre para a criança, e isso é fato.
Você pode por exemplo optar por um almoço ou jantar de família, convidar os mais próximos e fazer o bolo de revelação. Pode optar por um chá de bebê e no convite pedir um pacote de fralda tamanho P ou M e deixar livre aos convidados se querem levar mais algum mimo ao bebê. Vale lembrar que na maternidade ou após o nascimento do seu filho, muitas pessoas irão visitá-los e levarão presentes.
Já ouvi depoimentos de quem fez um megaevento, colocou lista de presente em loja, pediu fralda e depois ficou reclamando que gastou muito e nem metade dos convidados apareceu… Pense bastante antes de decidir o que fazer, mas sempre coloque em primeiro lugar investir no enxoval e artigos como berço, carrinho e bebê-conforto. Deixe a decoração provençal, os arcos de balão, os efeitos de iluminação e os comes e bebes requintados para a festinha de um ano. Você não vai se arrepender!!
#maedeproveta #maedemuitos #trigemeos #triplets #chadebebe#chadefraldas #chederevelaçao

O PESO DE SER MÃE

Há muitos anos eu venho travando uma guerra com a balança… desde que iniciamos em 2006 os tratamentos para engravidar, meu corpo sofreu alterações absurdas e consequentemente minha auto-estima despencou tremendamente. Os hormônios constantemente injetados me acrescentaram 20 quilos, sem contar o acúmulo de líquidos que me deixava inchada.
Quando engravidei da Larissa estava com sobrepeso e não podia engordar muito, foram 6 quilos ao todo, sendo que nos últimos 2 meses de gestação, deitada em uma cama hospitalar, toda minha circulação ficou comprometida. Em casa amamentando, minha luta com a balança continuou e nunca me esqueço do choque que tive ao me ver em um filme de final de ano. Precisava tomar uma atitude!
Procurei minha nutricionista e iniciamos um trabalho para que eu pudesse preparar meu corpo e mente para uma próxima gestação. Foi um sucesso: 12 quilos em 8 meses, mas ainda estava acima do meu peso quando engravidei dos trigêmeos. Uma gestação de alto risco e eu não podia engordar muito, senão seria o caos total… mais uma vez foram somente 6 quilos, ou seja, emagreci durante a gravidez, tanto que nas fotos sou uma “barriga com pernas”!!!
404-pesoConsegui me controlar mais após o nascimento deles mas voltei a engordar… meus médicos me explicavam que meu organismo havia se acostumado com toda aquela reserva de gordura de anos e queria que eu continuasse produzindo energia… foram 3 anos difíceis, principalmente encarando o que eu chamava de “pochete trigemelar”, aquela barriga constante da gestação.
Este ano decidi que ia cuidar de mim, que seria meu ano. Há 6 meses comecei dieta balanceada me baseando nas instruções anteriores da nutricionista. Já havia mudado muitos hábitos alimentares desde o primeiro tratamento, mas precisava restringir alguns alimentos e é claro, iniciar atividade física.
Na última consulta médica recebi parabéns do clínico geral, que constatou 10 quilos eliminados com sucesso! Agora me sinto muito melhor, voltei a usar roupas esquecidas há tempos no guarda-roupa e me sinto pronta a enfrentar o verão deste ano, sem vergonha de ir à praia ou piscina com as crianças.
Meu trabalho ainda não acabou… ainda não cheguei no meu objetivo e agora será mais lento, porém recompensador. Adeus “pochete trigemelar”, que venha uma musculatura rígida para aguentar a energia da minha turma e me trazer saúde e bem estar para mais pelo menos 50 anos de vida!!!